Pegando fogo

Postado por MonicaPepper em BDSM, Sexo, Vela - 28-03-2012

Tags:

Quando eu era uma adolescente em fase de descobertas sexuais, tinha forte atração por cubos de gelo descendo pelos meus seios, por minha barriga e, ai, ai, passeando por meu clitóris. Também me excitava – e ainda excita – quando gélidas lâminas afiadas percorriam meu corpo. Eu pegava fogo e por isso, acho, queria sempre a chama de alguma vela me lambendo inteira, com a cera quente gotejando aqui e ali, o que me fazia uivar. Foi nessa época que aprendi a amar quando tinham algemas apertando meus pulsos e qualquer coisa vendando meus olhos – tem sensação melhor do que se permitir perder totalmente o controle, ser completamente controlada? Aprendi também a viciar em chupões, mordidas e tapas, de um modo geral.

Naquela época, e faz pouco mais de 10 anos, não conhecia os magníficos géis quentes ou frios que hoje encontramos em qualquer lugar – e que encontraremos na nossa PepperBox -, pois eu não tinha idade para entrar em uma Sex Shop, e me virava com o que tinha (vibradores eram impensáveis já que meus pais marcavam em cima e certamente eu seria descoberta): pegava dois pepinos, embalava-os com papel filme (ou filme plástico), desses que todos temos na cozinha para embalar alimentos, e deliciosamente os untava na manteiga para brincar de DP (amooooooo!!!!).

Era época de festas de pijama e minhas amigas adoravam dormir na minha casa, porque na casa delas era mais difícil achar pepinos ou qualquer outra coisa para nos divertir. Ficávamos no meu quarto, uma penetrando a outra, enquanto as demais se masturbavam…. Gozávamos muito.

Hoje em dia, descobrir todos os prazeres possíveis, ficou mais fácil. Há mais liberdade – uma amiga minha, sabendo que a filha não era mais virgem, deu a ela como presente no aniversário de dezesseis anos um lindo Jack Rabbit (vibrador famoso por ter duas “orelhinhas” que massageiam o clitóris), para desespero do pai, antiquado. E nada ficou tão mais gostoso como brincar com velas. A chama, claro, ainda pode queimar – incrível como me dá tesão isso -, mas as ceras são especiais: não queimam quando pingam na pele, e sim viram óleo beijável, que pode ser usado para massagens. Ai, ai…

É tão bom que eu sempre procuro ter duas dessas velas em casa. É delicioso. Se você não conhece, aguarde sua PepperBox chegar a sua casa. Quem sabe não vem uma dessas lindas e deliciosas velas de surpresa?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre o(s) autor(es):

MonicaPepper

Mônica Pepper é a deliciosa e apimentada responsável pelo nosso Twitter (@pepperboxbr), além de ser incrivelmente liberal: bissexual, casada e praticante de Swing. A Mônica Pepper transpira sexo.

Comentários:

Brincar com fogo… Deixando o sexo ainda mais quente!

Comente esse post